Decreto autoriza funcionamento do comércio, igrejas, mantém eventos suspensos e a obrigatoriedade do uso de máscara

Em reunião na terça-feira (06) o prefeito Luiz Machado e a equipe de enfrentamento a Covid-19 no município avaliaram o quadro epidemiológico e definiram as novas medidas a serem adotadas no enfrentamento a doença.

Conforme resultado da reunião, o novo decreto autoriza o funcionamento de bares, lanchonetes e restaurantes de forma presencial e atendendo a capacidade máxima de 30% do ambiente. Bares e restaurantes funcionarão até as 20hrs e as lanchonetes até as 22hrs sem permitir o consumo de bebidas alcoólicas.

Para o comércio em geral o horário de funcionamento ficou até as 20hrs, obedecendo os critérios de uso obrigatório de máscara e não permitindo aglomerações em seu interior sob pena de multa e interdição. A equipe de vigilância irá fixar cartaz com a capacidade máxima que cada comércio comporta e fiscalizar o cumprimento de forma mais rigorosa.

As celebrações religiosas devem funcionar comportando a capacidade máxima de 30% do ambiente.

Continuam proibidas festas, eventos ou qualquer tipo de aglomeração em espaços públicos (praças, orgãos etc) ou privados, a circulação de pessoas na cidade deverá acontecer com o uso de máscara.

Loader Loading...
EAD Logo Taking too long?

Reload Reload document
| Open Open in new tab

Baixar [128.28 KB]

COMPARTILHAR